Uma esplanada que vais querer visitar esta semana: The Yeatman

A experiência The Yeatman

Fizemos questão de visitar este hotel várias vezes (só para ver se não nos escapava nada) e a tão aclamada varanda panorâmica, onde dizem que o olhar só se perde na linha do horizonte. Uma delas foi neste verão, mais precisamente na penúltima semana do mês de julho, ou não tivéssemos nós feito questão de aceitar o convite para estarmos presentes numa das três Sunset Wine Parties que estavam programadas para os meses de maior calor de 2016.

Com um conceito claramente vínico, só assim se justificaria as mais de 1000 referências de vinhos que compõem a garrafeira do The Yeatman e os tratamentos exclusivos com base em ingredientes extraídos das vinhas do Spa Vinothérapie by Caudalie, este hotel aproveita bem o facto de ter sido construído literalmente debruçado sobre a margem sul do rio Douro: é uma sensação dicotómica, que quase nos deixa confusos, a de saber que se está rodeado por uma paisagem urbana e, ao mesmo tempo, parecer que os nossos pés estão a caminhar sobre os degraus das encostas do Douro vinhateiro.

O que vais encontrar

Os 25.000 metros quadrados de área útil do The Yeatman, dos quais faz parte um restaurante que tem à sua frente Ricardo Costa, um chef de estrela Michelin, dariam tema para vários artigos, mas hoje focamo-nos no espaço exterior: o terraço, no quarto piso, tem ligação a duas salas que dão lugar às já conhecidas festas de verão, e a varanda, no quinto piso, dá acesso direto ao Dick’s Bar, onde é possível beber um copo, aproveitar um fim de tarde de (muito) calor e assistir a alguns concertos de música ao vivo.

Facilidade de acessos

Não se pode dizer que o acesso ao The Yeatman seja o mais fácil para quem não estiver disposto a utilizar o carro, mas também não te vai obrigar a recorrer ao mapa se quiseres ir até lá a pé ou se te deslocares nos transportes públicos da cidade.

Dependendo de qual é o teu ponto de partida, estas são as nossas recomendações: se já tiveres um andante com viagens, podes ir até à paragem de metro de General Torres (é a primeira paragem após passar o Jardim do Morro) e percorrer 900 metros a pé até ao The Yeatman (diz o Google maps que são 12 minutos, mais coisa menos coisa); se estiveres na marginal de Vila Nova de Gaia, apesar do percurso ser acentuado, são só cerca de 450 metros até chegar à entrada do hotel.

Morada: Rua do Choupelo, 250
Horário de funcionamento: Domingo a quinta-feira, das 9h à 1h; Sexta-feira, sábado e
véspera de feriados, das 9h às 2h30

2 Replies to “Uma esplanada que vais querer visitar esta semana: The Yeatman”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s