Festival de cinema na Baixa do Porto arranca no dia 26

Porto/Post/Doc 2016

Ao chegar à sua terceira edição, o Porto/Post/Doc volta a propor um festival de cinema de dimensão internacional, centrado nas novas formas do cinema contemporâneo, com especial ênfase no documentário. Serão nove dias e mais de cem atividades, divididas entre sessões, com filmes de diversos temas, debates, oficinas, aulas de cinema e festas.

Em 2016, o centro da programação é o cinema sensorial, conceito que convoca as mais recentes tecnologias digitais e abordagens inovadoras ao mundo, mas o grande foco estará na retrospetiva que o festival dedica ao Sensory Ethnography Lab, da Universidade de Harvard, um dos laboratórios de documentários mais entusiasmantes da última década.

Também o Fórum do Real será dedicado a este tema – o cinema e a experiência sensorial -, com debates entre académicos, programadores, críticos e cineastas. Serão ainda exibidos os filmes poéticos da cineasta checa Jana Ševcíková, que tem investigado certas comunidades esquecidas do Leste Europeu – está é a primeira vez que se faz uma retrospetiva de Jana Ševcíková em Portugal.

Fotografia de Porto/Post/Doc
Fotografia de Porto/Post/Doc

Programação

Este ano o Porto/Post/Doc quer ir mais longe, sobretudo no seu objetivo de formação de públicos, apresentando uma edição alargada do School Trip, com duas novidades essenciais: o Mini – um programa dedicado aos mais pequenos, com oficinas e sessões de cinema -, e a Competição de Escolas – uma seleção de treze títulos com filmes produzidos em escolas portuguesas ou por estudantes portugueses.

De 26 de novembro a 4 de dezembro, o Porto/Post/Doc animará a Baixa do Porto com uma oferta do melhor cinema contemporâneo. Serão exibidos filmes inovadores, com histórias inéditas, feitos por cineastas que arriscam, mostrando como o nosso mundo tanto vive numa convulsão de conflitos sociais, como na beleza das relações humanas.

Onde: Teatro Rivoli, Passos Manuel e Maus Hábitos
Quando: Entre 26 de novembro e 4 de dezembro
Quanto: Os bilhetes para o festival custam 4 euros por sessão (dois euros
para menores de 18 anos e maiores de 65 anos). A entrada é livre para o Fórum
Real, Happy Hours e Transmission Parties

Os 8 eventos a não perder neste fim de semana no Porto

Quando chega o fim de semana queremos sempre saber quais são os eventos que vão acontecer…

…o webook Porto dá-te algumas sugestões!

Conhece os 8 eventos que não podes perder no Porto, entre 11 e 13 de novembro, com o webook Porto.


1. Matosinhos – 15º aniversário da National Geographic Portugal

 

A edição portuguesa da revista National Geographic comemora este mês 15 anos de existência e os festejos estão marcados para Matosinhos. O programa arrancou na quarta-feira, dia 9 de novembro, no Teatro Municipal de Matosinhos – Constantino Nery, onde decorreu uma palestra em torno das fotografias que ilustram a publicação e as histórias que estão por trás delas.

Do fundo do oceano à montanha mais alta, da floresta mais densa ao deserto mais remoto, os fotógrafos da National Geographic Portugal viajarão por algumas das imagens mais marcantes de quinze anos de edições da revista. Alguns destes momentos poderão ser vistos, de resto, a partir do dia 12, sábado, na exposição que será inaugurada, pelas 18h, na galeria Manifesto.

Fotografia de Veselin Malinov/National Geographic
Fotografia de Veselin Malinov/National Geographic
Onde: Teatro Municipal de Matosinhos e Mercado Municipal de Matosinhos
Quando: Entre 9 e 12 de novembro
Quanto: Entrada livre

2. Museu da Quinta de Santiago – “3 ASEs. Augusto Gomes, António Carneiro, Agostinho Salgado”

 

Os três mestres da pintura de Matosinhos – Augusto Gomes, António Carneiro e Agostinho Salgado – vão voltar a estar juntos numa exposição. De 10 de novembro a 31 de dezembro, o Museu da Quinta de Santiago, em Leça da Palmeira, acolhe a mostra “3 ASES. Augusto Gomes, António Carneiro, Agostinho Salgado”, que reunirá quatro dezenas de obras destes artistas, algumas das quais vão poder ser vistas pela primeira vez.

Autores com uma obra intrinsecamente ligada a Matosinhos e realizada, no essencial, durante a primeira metade do século XX, os AAA estão amplamente representados na coleção de arte da Câmara Municipal de Matosinhos, que possui um total de 115 pinturas, desenhos e esculturas dos três artistas plásticos.

Fotografia de Câmara Municipal de Matosinhos
Fotografia de Câmara Municipal de Matosinhos
Onde: Museu da Quinta de Santiago
Quando: Entre 10 de novembro e 31 de dezembro
Quanto: Mais informações disponíveis através do museuqsantiago@cm-matosinhos.pt

3. Porto – “África Mostra-se”

 

O Porto vai receber, pela primeira vez, “África Mostra-se”, um evento de cinema e arte que terá lugar na próxima sexta-feira e sábado, dias 11 e 12 de novembro, em vários locais da cidade. Tendo como base o cinema, “África Mostra-se” promove várias iniciativas em torno de manifestações culturais africanas dentro e fora do continente – sessões de cinema, exposições de fotografia, pintura, escultura, dança, música, entre outros.

A inauguração decorrerá em dois dias: na sexta-feira, com a Mostra de Cinema e Culturas Africanas no Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garret, e no sábado, com uma exposição de pintura, escultura, cerâmica e fotografia na QuadraSoltas –  esta última, está integrada na programação das inaugurações de Miguel Bombarda. O programa estende-se até dia 7 de janeiro.

Imagem de Câmara Municipal do Porto
Imagem de Câmara Municipal do Porto
Onde: Auditório da Biblioteca Almeida Garret e QuadraSoltas
Quando: Sexta-feira e sábado, dias 11 e 12 de novembro
Quanto: Entrada livre

4. Faculdade de Belas Artes do Porto – Exposição de cartazes do Cinanima

 

A Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto inaugura, na próxima sexta-feira, dia 11 de novembro, uma exposição dedicada à colaboração do designer João Machado com o festival Cinanima. A exibição, com curadoria de Rui Mendonça, mostra os 40 cartazes de João Machado para as 40 edições do Cinanima desde o seu início em 1977.

Incluída na programação do Cinema de Bairro da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, a exposição “40 Anos. Cinanima. João Machado” estará patente até ao dia 28 de janeiro e pode ser visitada de terça-feira a sábado, das 14h30 às 18h30.

Imagem de Câmara Municipal do Porto
Imagem de Câmara Municipal do Porto
Onde: Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto
Quando: Sexta-feira, dia 11 de novembro, às 18h
Quanto: Entrada livre

5. Teatro Rivoli – Ante-estreia do filme “Porto, Mon Amour”

 

Inicialmente intitulado “Porto, Mon Amour” e realizado por Gabe Klinger, tem ante-estreia marcada para o próximo sábado, às 21h30, no Rivoli. Trata-se do primeiro filme comercial de grande distribuição rodado no Porto, em 2015, com o apoio à produção por parte da autarquia, tendo feito parte da secção competitiva do recente Festival de Cinema de San Sebastian.

A sessão especial do filme, que chegará brevemente ao circuito comercial com o título “Porto”, e a que assistirão o realizador e a atriz principal, a estrela francesa Lucie Lucas, contará também com a presença do presidente da Câmara Municipal do Porto e de alguns convidados institucionais. Os bilhetes para a plateia só serão colocados à venda no próprio dia.

Frame do filme "Porto, Mon Amour"
Frame do filme “Porto, Mon Amour”
Onde: Teatro Rivoli
Quando: Sábado, dia 12 de novembro, às 21h30
Quanto: n/a

6. Quarteirão de Miguel Bombarda – Inaugurações de Bombarda

 

No próximo sábado, dia 12 de novembro, o Quarteirão de Miguel Bombarda vai receber o sexto e último ciclo de inaugurações de arte contemporânea deste ano. A partir das 16h, o público poderá conhecer novas exposições no interior de 15 galerias do chamado Bairro das Artes do Porto e ainda desfrutar das várias propostas de animação preparadas para as ruas.

Além das 15 galerias que vão inaugurar exposições, haverá um mercado de crianças, uma perfomance artística, um workshop de impressão, visitas guiadas (a pé e de tuk-tuk) e ainda um “instameet“. O evento, com grande tradição na cidade, é promovido pela Câmara Municipal do Porto, em conjunto com a Bombarda Porto Art District.

Fotografia de Filipa Brito
Fotografia de Filipa Brito
Onde: Rua Miguel Bombarda - Porto
Quando: Sábado, dia 12 de novembro, às 16h
Quanto: Entrada livre

7. Edifício Transparente – Pink Market

 

O Pink Market está de volta ao Edifício Transparente e à Praia Internacional do Porto para mais um mercado de arte, criatividade e vintage com uma edição especial de São Martinho.

Este evento vai contar com a programação de várias atividades, tais como a dança oriental, a cargo de Raks Gia Zayn, os workshops, ministrados pela Brilharte, e um desfile de moda infantil da Monpetitcoinrose.

Fotografia de Pink Movement
Fotografia de Pink Movement
Onde: Edifício Transparente
Quando: Sábado e domingo, dias 12 e 13 de novembro, das 11h às 18h
Quanto: Entrada livre

8. Coliseu do Porto – Cuca Roseta

 

A voz de Cuca Roseta chega, pela primeira vez, ao palco do Coliseu do Porto para um concerto de celebração de carreira. A fadista, uma das mais aclamadas vozes da nova geração, revisita os temas mais marcantes e traz as sonoridades de Riû, o seu terceiro álbum de estúdio.

Produzido por Nelson Motta, o disco, que se define como um encontro entre a canção portuguesa e a música popular brasileira, conta com as colaborações de músicos como Jorge Palma, Sara Tavares, Júlio Resende, Mário Pacheco, João Gil, Jorge Drexler, Ivan Lins e do próprio Nelson Motta.

Cartaz de Cuca Roseta
Cartaz de Cuca Roseta
Onde: Sala principal do Coliseu do Porto
Quando: Sábado, dia 12 de novembro, às 21h30
Quanto: Mais informações disponíveis aqui

Melhores teatros da Europa reúnem-se no Porto

Convidados pelo TNSJ

“Bem-vindos ao país mais longíquo da Europa por um fim-de-semana onde se traduz em cena Karl Kraus, Fiódor Dostoiévski, Guillermo Calderón, Jean-Pierre Sarrazac, Joseph Danan, Samuel Beckett, Gregory Motton, Alvaro Garcia de Zuñiga, Rui Pina Coelho”. É assim que Nuno Carinhas, diretor artístico do Teatro Nacional Sâo João (TNSJ), abre a casa à União dos Teatros da Europa (UTE), uma organização que congrega os mais importantes teatros europeus.

Entre 17 e 20 de novembro, cerca de 30 membros das instituições culturais europeias têm a oportunidade única de conhecer coproduções e produções nacionais do Teatro Nacional São João, bem como assistir a uma mesa-redonda com nomes sonantes do pensamento económico e social. Esta é a segunda vez que a UTE se “transfere” para o Porto, sendo que o TNSJ é o único representante nacional da organização há quase 14 anos e membro do Conselho de Administração.

No último dia do evento, realiza-se a Assembleia-Geral da UTE, à porta fechada, onde vão ser discutidas e votadas as decisões mais importantes sobre o futuro da União dos Teatros da Europa, que agrega países como Itália, Alemanha, Bulgária, França, Grécia, Israel, Luxemburgo, República Checa, Rússia, Sérvia ou Hungria, num total de 18 membros.

Fotografia de Teatro Nacional São João
Fotografia de Teatro Nacional São João

O teatro e a sociedade

Durante o evento, os representantes refletem também sobre as questões relevantes para as sociedades em que se inserem e sobre o papel do teatro, sendo que estas são oportunidades únicas de intercâmbio e de aprendizagem sobre as atividades de cada um e de criação de novos projetos.

As presenças de Michal Dočekal, do Teatro Nacional de Praga e presidente da UTE, de Sergio Escobar, diretor do Piccolo Teatro di Milano e vice-presidente da UTE, e de Ruth Heynen, diretora da organização, já estão confirmadas.

Onde: Teatro Nacional Sâo João, Teatro Carlos Alberto e Mosteiro São Bento da Vitória
Quando: Entre 17 e 20 de novembro
Quanto: Mais informações disponíveis aqui

Porto Kosher Store: a loja de produtos judaicos do Hotel da Música

Porto Kosher Store

O Hotel da Música inaugurou recentemente, dentro da área gourmet do Mercado Bom Sucesso, a primeira loja kosher do país, resultante de uma parceria entre a referida unidade hoteleira e a Comunidade Israelita do Porto. Certificada pelo rabinato do Porto, cuja supervisão é reconhecida pelo Grão Rabinato de Israel, a loja kosher segue o calendário judaico, estando encerrada nos feriados religiosos e em cada shabat.

Este espaço de restauração e mercearias judaicas respeita todas as normas tradicionais da religião e destina-se não só à comunidade judaica e muçulmana, mas também à população em geral, pretendendo dar a conhecer os produtos portugueses e internacionais kosher, tais como o pão Matzo, os rolos com legumes Dolmade ou a pasta com sementes de sésamo Tehine.

Todos os produtos podem ser degustados na “Kosher Corner“, um espaço reservado que se situa no interior do Hotel da Música. Os produtos e ingredientes utilizados para a elaboração dos pratos estão aptos a satisfazer os mais elevados padrões de exigência dos seus clientes, uma vez que ou são kosher por sua própria natureza ou detêm as certificações rabínicas mais elevadas.

Fotografia de Porto Kosher Store
Fotografia de Porto Kosher Store

Comunidade judaica

Contíguo ao Mercado Bom Sucesso, encontra-se o restaurante kosher, pertencente ao Hotel da Música, unidade certificada kosher. Este restaurante, que também cumpre todas as normas da lei religiosa judaica, possui uma ementa de “cozinha judaica” e distingue-se pela formação rigorosa com que dotou os seus colaboradores, tornando-os habilitados a receber clientes judeus.

Esta aposta revela-se estratégica, tanto ao nível local, pois é um factor relevante para a integração dos judeus na cidade do Porto, como ao nível do desenvolvimento turístico, numa altura em que Portugal recebe, de ano para ano, mais turistas judeus, tendo sido registados em 2015 cerca de 100.000 visitantes da comunidade judaica internacional no nosso país.

Morada: Largo Ferreira Lapa, 21 a 183 - Porto (Mercado Bom Sucesso)
Horário de funcionamento: Segunda a quinta-feira, das 10h às 12h30 e das 13h30
às 19h, sexta-feira, das 10h às 14h, domingo, das 15h às 19h. Encerra aos sábados
Contactos: 220 404 414

Exposição das obras de Augusto Gomes, António Carneiro e Agostinho Salgado inaugura esta quinta-feira

Nova exposição

Os três mestres da pintura de Matosinhos – Augusto Gomes, António Carneiro e Agostinho Salgado – vão voltar a estar juntos numa exposição. De 10 de novembro a 31 de dezembro, o Museu da Quinta de Santiago, em Leça da Palmeira, acolhe a mostra “3 ASES. Augusto Gomes, António Carneiro, Agostinho Salgado”, que reunirá quatro dezenas de obras destes artistas, algumas das quais vão poder ser vistas pela primeira vez.

Autores com uma obra intrinsecamente ligada a Matosinhos e realizada, no essencial, durante a primeira metade do século XX, os AAA estão amplamente representados na coleção de arte da Câmara Municipal de Matosinhos, que possui um total de 115 pinturas, desenhos e esculturas dos três artistas plásticos. A exposição que será agora inaugurada reúne, assim, o melhor deste acervo, incluindo algumas pinturas recentemente adquiridas pela autarquia.

Fotografia de Câmara Municipal de Matosinhos
Fotografia de Câmara Municipal de Matosinhos

Outras informações

Recorde-se que, até 2009 e durante cerca de uma década, o Museu da Quinta de Santiago apresentou uma exposição permanente de obras de arte da coleção da Câmara Municipal de Matosinhos, bastante centrada nas figuras de António Carneiro, Agostinho Salgado e Augusto Gomes e que vem sendo constituída desde os anos 50 do século passado.

A exposição “3 ASES. Augusto Gomes, António Carneiro, Agostinho Salgado” constitui, pois, uma oportunidade para (re)ver algumas das mais significativas obras de arte que retratam os pescadores e as mulheres do mar de Matosinhos (Augusto Gomes, 1910-1976), as praias de Leça da Palmeira (António Carneiro, 1872-1930) ou as bucólicas margens do Rio Leça dos anos 30 e 40 do século passado (Agostinho Salgado, 1905-1967).

Onde: Museu da Quinta de Santiago
Quando: Entre 10 de novembro e 31 de dezembro
Quanto: Mais informações disponíveis através do museuqsantiago@cm-matosinhos.pt

Pastel de nata de Vinho do Porto chega às ruas em janeiro

Combinação de tradições

De acordo com uma notícia publicada no site da RTP esta quarta-feira, dia 9 de novembro, um empreendedor da Guarda “casou” o tradicional pastel de nata com o internacional Vinho do Porto e fez nascer um produto que irá distribuir pelas ruas da cidade do Porto, numa moto “Piaggio”, a partir de janeiro de 2017.

Despedi-me do meu anterior serviço, onde trabalhei 10 anos, e decidi dedicar-me a um projeto próprio, assente no conceito de food truck, que promete dar um cunho diferenciador ao afamado pastel de natal tal como o conhecementos”, referiu Fernando Gomes

O pastel de nata de Vinho do Porto foi pensado por Fernando Gomes, um empreendedor de 38 anos, que nasceu no Douro, mas que reside na cidade da Guarda há largos anos. Ao projeto deu o nome de Companhia da Nata, com estreia marcada para sexta-feira, no Encontro com o Vinho e Sabores, que se realiza no Centro de Congressos de Lisboa.

Fotografia de Wikimedia Commons
Fotografia de Wikimedia Commons

Ponto de venda móvel

Para além da proposta de “um produto singular”, Fernando Gomes pensou ainda numa forma original de chegar aos consumidores, que nem vão precisar de ir à procura do pastel de nata de Vinho do Porto.

Servindo-me de uma moto Piaggio, irei ao encontro dos apreciadores destas iguarias, que serão servidas prontas na hora. Numa primeira fase, os dias serão passados entre a Estação de São Bento, Torre dos Clérigos, Rua de Santa Catarina e toda a área ribeirinha até à Fortaleza de São João da Foz”, acrescentou Fernando Gomes

O projeto de Fernando Gomes conta com o apoio da produtora de vinhos Quevedo e da Turismo Porto e Norte, ao integrar o Plano Estratégico Nacional para o Turismo, na vertente de Gastronomia e Vinhos.

Soundwich, o restaurante que dá música ao Parque da Cidade

Música e gastronomia

É um espaço onde as refeições se fazem ao som da Smooth FM, a ementa é apresentada em discos de vinil e se dá, naturalmente, importância à ligação entre o sabor e a música. Referimo-nos ao Soundwich, um restaurante, café e esplanada que nos faz lembrar uma casa de campo, ou, pelo menos, a calma que este costuma transmitir, embora saibamos que continuamos a poucos passos de distância da Avenida da Boavista e da Estrada da Circunvalação.

Não estranhes se ouvires pronunciar os nomes de Hélio Loureiro, Luís Américo, António Vieira, Nuno Inverneiro, Camilo Jaña, João Pupo Lameiras e Álvaro Dinis. Até porque estes são os chefs responsáveis por algumas das criações mais exclusivas do Soundwich – as Soundwiches. Frango grelhado com legumes assados, queijo emental e aioli ou salsicha fresca assada, couve branca estufada com linguiça, vinagre de sidra, ovo estrelado e cebola crocante, são só dois exemplos de deixar água na boca.

Mas ainda há mais. A criatividade não ficou por aqui. Estamos certos de que não te faltarão oportunidades para também experimentar as saladas de autor, que foram convenientemente apelidadas de Tapewiches, e as sobremesas confecionadas a partir de receitas tradicionais antigas. Nesta parte somos considerados suspeitos, mas é nosso dever acrescentar que o bolo de chocolate com chantilly, a mousse de chocolate e o bolo de bolacha fazem jus ao slogan do Soundwich – “Sounds delicious”.

Brunch aos fins-de-semana

Está de volta desde o início do mês de novembro e parece que veio para ficar. À chegada, os visitantes são recebidos no espaço PickAPark com uma taça de champagne. De seguida, um jarro de infusão de agricultura biológica e uma triologia de legumes: batata, batata-doce, cenoura, entre outros. Em formato buffet, é possível encontrar iogurtes, frutas, pães, croissants, empadas, crostinis, panquecas, compotas, queijos e suspiros.

O PickABrunch é liderado pelos chefs Pedro Pereira e Adozinda Gonçalves e está dividido em seis momentos diferentes. Uma das caraterísticas mais interessantes é que – isto deve-se ao conceito tipo “showcooking” – a confeção dos pratos pode ser acompanhada no próprio momento e os pedidos colocados diretamente ao chef. Existe ainda um programa pensado só para as crianças, com uma ementa infantil e um serviço de babysitting.

Reservas e preços

O PickABrunch está disponível por 19,90 €, todos os sábados, domingos e feriados, das 12h às 16h, durante todo o ano. As reservas são aconselhadas e podem ser feitas através do soundwich@soundwich.pt ou dos contactos mencionados. O programa infantil (ementa + serviço de babysitting) tem um custo associado de 12,5 €.

Morada: Avenida do Parque, 595 - Porto
Horário de funcionamento: Terça a sexta-feira, das 12h às 19h, sábado e
domingo, das 10h às 19h
Preço médio p/ pessoa: 12,5 €
Contactos: 223 228 117 / 937 900 311

Câmara de Matosinhos desaconselha banhos nas praias do concelho até março

Qualidade da água nas praias

De acordo com um comunicado publicado no site da Câmara Municipal de Matosinhos esta terça-feira, dia 8 de novembro, a autarquia está a realizar uma importante obra de modernização da Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Matosinhos/Leça da Palmeira.

A intervenção, orçada em cerca de 16 milhões de euros, entrou agora numa nova fase, que decorrerá previsivelmente até março de 2017 e que implicará a interrupção pontual e parcial do atual sistema de tratamento primário, tendo em vista a integração dos novos equipamentos e a interligação dos sistemas.

Embora se trate de interrupções parciais e de curta duração, planeadas de modo a não prejudicar o normal decurso da época balnear, é possível que os trabalhos a realizar nos próximos meses tenham reflexos na qualidade da água das praias do concelho.

Fotografia de Câmara Municipal de Matosinhos
Fotografia de Câmara Municipal de Matosinhos

Aviso aos cidadãos

Assim, e tendo em conta a necessidade de acautelar a saúde de todos os utilizadores das praias, a Câmara Municipal de Matosinhos desaconselha a utilização balnear ou recreativa da água de todas as praias do concelho até ao final do mês de março de 2017.

Já foram devidamente informadas as entidades que lidam diretamente com o mar e com a salubridade pública, bem como todas as associações desportivas que utilizam o mar em Matosinhos para a prática das suas atividades.

InterContinental Porto eleito o melhor hotel para lua-de-mel do mundo

Votação online

O hotel do Palácio das Cardosas acaba de ser distinguido nos World Luxury Hotel Awards, uma prestigiada competição que elege as melhores unidades hoteleiras no segmento do turismo de luxo.

Depois de, em 2014, ter sido considerada como uma das cidades mais românticas da Europa, o Porto volta a estar na “mira” dos noivos. Desta vez, os votos foram trocados entre milhares de viajantes de todo o mundo e o Hotel InterContinental Porto, considerada a melhor unidade de luxo para passar a lua-de-mel.

A distinção foi atribuída pelos World Luxury Hotel Awards, uma reconhecida organização global que, anualmente, distingue os melhores exemplos na indústria do turismo de luxo no que diz respeito à qualidade dos serviços prestados e nível de satisfação do cliente. No total, são cerca de 60 categorias em jogo e os vencedores são determinados, em exclusivo, pelos votos dos viajantes na internet.

Fotografia de Hotel InterContinental Porto
Fotografia de Hotel InterContinental Porto

Distinção internacional

O InterContinental Porto, que está localizado em pleno coração da cidade e é o ponto de encontro perfeito para uma escapadela a dois, distinguiu-se na categoria “Luxury Honeymoon Hotel”, sendo a única unidade do Porto a fazer parte da lista de vencedores.

De acordo com Eric Vale, diretor geral do hotel, o “Porto é cada vez mais um destino de lua-de-mel para jovens casais que pretendem explorar história, respirar cultura e desfrutar de boa gastronomia e vinhos, sendo uma alternativa aos tradicionais destinos tropicais.”

National Geographic Portugal vai celebrar aniversário com eventos em Matosinhos

As comemorações

A edição portuguesa da revista National Geographic comemora este mês 15 anos de existência e os festejos estão marcados para Matosinhos. O programa arranca já na quarta-feira, dia 9 de novembro, pelas 21h, no Teatro Municipal de Matosinhos – Constantino Nery, onde decorrerá uma palestra em torno das fotografias que ilustram a publicação e as histórias que estão por trás delas.

Do fundo do oceano à montanha mais alta, da floresta mais densa ao deserto mais remoto, os fotógrafos da National Geographic Portugal viajarão por algumas das imagens mais marcantes de quinze anos de edições da revista. Alguns destes momentos poderão ser vistos, de resto, a partir do dia 12, sábado, na exposição que será inaugurada, pelas 18h, no novo espaço cultural do Mercado de Matosinhos, a galeria Manifesto, parceira das comemorações.

Fotografia de Veselin Malinov/National Geographic
Fotografia de Veselin Malinov/National Geographic

Outras atividades

Também no sábado, e no espaço Manifesto, será lançado, pelas 18h30, o livro “Sobre|Viver – Amazónia”, um álbum fotográfico produzido pela equipa da agência de viagens Nomad em parceria com a National Geographic Portugal, o qual relata o quotidiano das populações do Beni, um dos mais remotos rios da Amazónia.

O espaço Manifesto acolherá ainda, durante dois dias, um workshop de fotografia de viagem ministrado por António Luís Campos, fotógrafo da National Geographic Portugal e líder de viagens aventura na agência Nomad. Já premiado pelos prémios Visão de Fotojornalismo, António Luís Campos abordará a viagem e a fotografia como disciplinas complementares, discutindo postura, técnica, equipamento e dicas úteis.

Onde: Teatro Municipal de Matosinhos - Constantino Nery e Mercado
Municipal de Matosinhos - Espaço Manifesto
Quando: Entre 9 e 12 de novembro
Quanto: Entrada livre